9 de out de 2012

Termos usados no Behaviorismo Radical - Skinner

Termos

Respondentes: São atos desencadeados por eventos que lhes são imediatamente antecedentes. Os eventos desencadeador é conhecido como ESTÍMULO ELICITANTE.

Palavra ELICIAR: produzir.

Um RESPONDENTE pode ser “transferido” de uma situação para outra num processo denominado CONDICIONAMENTO RESPONDENTE ou CONDICIONAMENTO CLÁSSICO. Quando dizemos “transferido”, queremos dizer que um novo estímulo adquire a capacidade de evocar o respondente. O antigo estímulo elicitante permanece eficaz.


Como ocorre essas transferências?:

Estímulo INcondicionado (EI):

É um estímulo elicitante que produz um respondente (rEFLEXO) automaticamente. É aquele que normalmente ELICIA uma resposta específica.

Ex.: A comida na boca é um estímulo incondicionado para salivação nos seres humanos e em animais.

Resposta INcondicionada (RI):

É definida como o EVENTO, objeto ou experiência que não ELICITA a resposta INCONDICIONADA no início. O Estímulo neutro tem que ser combinado com o Estímulo incondicionado.

Ex.: Suponha que o som de uma campainha ocorra todos os dias ao meio dia, alguns segundos antes da hora de alguém almoçar. O som da campainha é um estímulo neutro porque inicialmente não evoca salivação.



Estímulo Neutro (EN)

É definido EVENTO, objeto ou experiência que NÃO ELICIA no início uma RESPOSTA incondicionada.

Ex.: Suponha que o som de uma campainha ocorra todos os dias ao meio dia, segundos antes de uma pessoa tomar o seu almoço. O RUÍDO DA CAMPAINHA é um estímulo neutro porque não evoca salivação logo de início.

RESPOSTA CONDICIONADA (RC).

A resposta condicionada é geralmente mais fraca e menos completa do que a resposta incondicionada.

Ex.: Se a campainha precede o almoço de perto todos os dias, ela própria irá eventualmente estimular uma leve salivação. Um vez que o estímulo neutro começou a elicitar uma resposta condicionada, chama-se estímulo condicionado (EC).


As principais Variáveis de INPUT (Estímulo)

  • Estímulo: evento que afeta os sentidos do aprendiz;
  • Reforço: evento que resulta no aumento da probabilidade da ocorrência de um ato que imediatamente o precedeu;
  • Contingência de reforço: Arranjo de uma situação para o aprendiz, na qual a ocorrência de reforço é tornada contingente à ocorrência imediatamente anterior de uma resposta a ser aprendida.

As principais Variáveis de OUTPUT (Resposta)

  • Comportamento Respondente (Reflexos): Compreende todas respostas de seres humanos, e outros organismos, que são eliciadas (“produzidas”), involuntariamente, frente a determinados estímulos. Ou seja, todas as respostas que podem ser identificadas como REFLEXOS são exemplos de comportamentos respondentes. É o que usualmente chamamos de não-voluntário e inclui as respostas que são eliciadas (“produzidas”) por estímulos antecedentes do ambiente. São interações estímulo-resposta (ambiente-sujeito) incondicionadas, nas quais certos eventos ambientais confiavelmente eliciam certas respostas do organismo que independem de “aprendizagem”.
  • Comportamento operante: Inclui uma gama muito mais ampla de respostas. Na realidade, a maior parte do comportamento humano é operante. O indivíduo atua (OPERA) sobre o meio. Esses podem ou não ser exibidos por indivíduos em presença de certos estímulos.
  • Ex.: tocar um instrumento para ouvir seu som harmonioso. Tocar é a RESPOSTA e o som o ESTÍMULO.
  • R------->E (ou S do inglês stimuli)

OBS: Cada um desses tipos de comportamento está associado um CONDICIONAMENTO.

CONDICIONAMENTOS:

Condicionamento Respondente: No condicionamento Respondente, um estímulo reforçador é aquele que seguramente elicia uma dada resposta, mas não precisa aumentar a frequência da resposta a qual segue. Desempenha um papel pouco importante na maior parte do comportamento humano.

Obs.: Posso entender que a resposta condicionada e uma resposta “APRENDIDA”.

Condicionamento Operante: é o processo no qual um REFORÇADOR vem imediatamente APÓS uma resposta, sendo o reforçador definido como evento ou OBJETO que aumenta a frequência de uma resposta a qual se seguiu. É adquirida a maior parte da conduta humana.

  • R------->E (ou S do inglês stimuli)

Diferenças entre APRENDIZAGEM e CONDICIONAMENTO:

APRENDIZAGEM: é definida como uma mudança relativamente duradoura no comportamento, induzida pela experiência.

CONDICIONAMENTO: é o procedimento de introduzir um reforçador positivo imediatamente APÓS uma resposta, resultando um aumento na frequência daquela resposta. Se diz de uma resposta cuja frequência foi aumentada desta maneira, que foi CONDICIONADA (aprendida).

Teoria do Reforço:

Reforço positivo: é todo evento que aumenta a probabilidade futura da resposta que o produz. É usado, aproximadamente, como sinônimo do termo mais comum RECOMPENSA. Todavia, apenas aqueles eventos ou objetos que vêm após um comportamento e, subsequentemente, aumentam a sua frequência são definidos como reforçadores positivos.

RECOMPENSA: pode ou não ser reforçador positivo. Ou seja, pode haver diferença de opinião, entre aquele que dá e aquele que recebe, sobre o que constitui uma recompensa.

REFORÇADOR NEGATIVO É aquele que fortalece a resposta que o remove ou enfraquece a resposta que o produz. É todo evento que aumenta a probabilidade futura da resposta que o REMOVE ou ATENUA.

EXTINÇÃO:

Consiste na suspensão do reforço de uma resposta condicionada. Tipicamente, o comportamento em extinção mostra uma redução gradual na frequência de uma resposta como resultado do procedimento de extinção, até que a respos ocorra tão frequentemente quanto ocorria antes do condicionamento. Permite-se que a resposta ocorra, mas o reforço não é dado. É devido à resposta sem reforço.

A EXTINÇÃO é um procedimento no qual uma resposta deixa abruptamente de ser reforçada.

ESQUECIMENTO

É considerado uma diminuição na probabilidade de que uma resposta ocorra, como consequência de esta resposta não ter sido emitida durante muito tempo. Ou seja, impede-se que a resposta ocorra por um período de tempo. É devido a falta de oportunidade para responder.

Outros Termos:
Condicionamento acidental:
No procedimento, associa-se inadvertidamente um reforçador positivo e uma resposta.
Comportamento Supersticioso:
Comportamento fortalecido através do procedimento de condicionamento Acidental.
Reforçamento diferencial:
Reforçar somente um membro ou resposta de uma classe de respostas e ignorar todos os outros membros.
Classe de Respostas:
Um agrupamento de todas as respostas que têm pelo menos característica em comum.
Diferenciada:
Uma resposta que foi fortalecida como resultado de reforçamento diferencial.
Diferenciação de resposta:
O fortalecimento de uma resposta de uma classe de respostas devido a reforçamento positivo de uma resposta de uma classe de respostas e não reforçamento das demais.

Nenhum comentário: